Postos de combustíveis são incendiados na Zona Oeste; polícia investiga atuação de milicianos

Postos de combustíveis são incendiados na Zona Oeste; polícia investiga atuação de milicianos
Postos de combustíveis são incendiados na Zona Oeste; polícia investiga atuação de milicianos

Estabelecimentos ficam em Santa Cruz, perto da Rio-Santos. Moradores da área afirmam que a região é alvo de disputa entre milicianos.

Dois postos de combustíveis foram incendiados na Avenida Brasil na madrugada desta quinta-feira (11), na altura de Santa Cruz, perto do entroncamento com a Rio-Santos (BR-101).

Em nota, a Polícia Civil do RJ informou que investigações estão em andamento na 36ª DP (Santa Cruz). "Os agentes estão coletando imagens de câmeras de segurança, que serão analisadas, e realizam diligências para esclarecer os fatos", disse.

Moradores da área afirmam que a região é alvo de disputa entre criminosos.

Bombeiros de três quartéis - Santa Cruz, Sepetiba e Campo Grande - foram acionados para conter as chamas. Eles foram chamados às 2h40.

Um dos postos possuía um teto de forro de plástico que não resistiu ao calor das chamas. A loja de conveniência também ficou destruída.

Os postos ficam a cerca de um quilômetro de distância um do outro. O outro posto teve apenas a loja incendiada.

Segundo a Polícia Militar, agentes do 27º Batalhão (Santa Cruz) e do Batalhão de Policiamento em Vias Expressas (BPVE) intensificam o policiamento na Avenida Brasil, na altura de Santa Cruz.

Posto de gasolina é incendiado em Santa Cruz na madrugada desta quinta-feira (11) — Foto: Reprodução

Posto de gasolina é incendiado em Santa Cruz na madrugada desta quinta-feira (11) — Foto: Reprodução

Teto de posto foi destruído pelas chamas na Zona Oeste do Rio — Foto: Reprodução/ TV Globo

Teto de posto foi destruído pelas chamas na Zona Oeste do Rio — Foto: Reprodução/ TV Globo

Loja de conveniência ficou completamente destruída pelas chamas em posto de combustíveis na Zona Oeste do Rio — Foto: Reprodução/ TV Globo

Loja de conveniência ficou completamente destruída pelas chamas em posto de combustíveis na Zona Oeste do Rio — Foto: Reprodução/ TV Globo

Por Luana Alves, Bom Dia Rio-G1