Ji-Paraná Notícias

Diocese de Ji-Paraná suspende celebrações presenciais nas igrejas católicas

Em nota publicada nessa quarta-feira(3) e assinada pelo bispo diocesano de Ji-Paraná, dom Norberto Foerster, a Diocese suspendeu a participação presencial de fiéis em celebrações religiosas. A suspensão vale, a partir desta quinta-feira (4) até a normalização da situação de caos que se encontra todo o país que está em estado de pandemia. De acordo com dom Norberto, a decisão se dá no contexto do aumento no número de casos e mortes em decorrência da Covid-19. As missas, entretanto, devem continuar sendo transmitidas por meios eletrônicos, conforme a organização de cada paróquia, conforme pontuou o arcebispo.

Dom Norberto destacou também que as medidas estão em sintonia com as diretrizes das autoridades sanitárias do país, do estado e do município. Ela vale para todo o território diocesano, que contempla os municípios sob sua jurisdição.

” Nesta hora, é preciso alimentar-nos de esperança, virtude característica do tempo litúrgico que estamos vivendo, a Quaresma.”

As celebrações serão transmitidas através das plataformas digitais de comunicação da própria paróquia

As igrejas serão mantidas abertas em seus regulares horários de funcionamento para os momentos de orações pessoais dos fiéis, obedecendo protocolos sanitários e de biossegurança

Ficam mantidos os atendimentos individualizados aos fiéis, por parte dos sacerdotes, bem como secretarias paroquiais

“Recomendamos a todos os fiéis católicos, que se mantenham atentos às realidades e necessidades que afloram mais nitidamente nesses momentos de maiores restrições. Tudo isso traz implicações – inclusive econômicas e sociais – sobre a vida das pessoas. Isto nos faz pensar nos mais pobres e nos que dependem das atividades informais”.

“Lembremo-nos da exigência da partilha como compromisso inerente à nossa condição de cristãos. Gastemos tempo e não poupemos esforços para promover iniciativas e campanhas que sirvam de sinal e alento para quem mais precisa”.

Da Redação com informações

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.