Destaque Esportes

Rio Branco-AC sai atrás, vira, goleia Ji-Paraná e assume liderança isolada do grupo 1

Ji-Paraná saem na frente com gol de Wathimen, mas Estrelão conquista vitória com gols de Guilherme Campana, Lyniker, Bruce e Mateus Monte, na noite desta quarta-feira, na Arena Acreana. Alvirrubro assume a ponta e Ji-Paraná está em 5º.

  • O Rio Branco-AC é o novo líder, mesmo que de forma provisória, do grupo 1 do Campeonato Brasileiro da Série D. Jogando em casa, na Arena Acreana, na capital do Acre, o Estrelão goleou o Ji-Paraná-RO por 4 a 1, na noite desta quarta-feira (14), em confronto válido pela sexta rodada do primeiro turno. Os visitantes saíram na frente aos 24 minutos do primeiro tempo, com Wathimen. O Alvirrubro empatou cinco minutos depois com o meia Guilherme Campana, que aproveitou um erro bizarro na saída de bola do Ji-Paraná dentro da área. Na etapa final os dois times seguiram buscando a vitória, acertaram bolas na trave, mas quem foi mais feliz foi o Rio Branco-AC. Apesar de desperdiçar várias oportunidades, o Estrelão chegou a vitória com gols de Lyniker, que fez 2 a 1 aos 12 minutos, Bruce, aos 41, e Mateus Monte, fechando o marcador aos 50 minutos.

  • NA CLASSIFICAÇÃO

    Com a goleada aplicada, o Rio Branco-AC sobe duas posições e assume a liderança do grupo 1 com 12 pontos. O Estrelão, no entanto, pode ser ultrapassado por Galvez ou Bragantino-PA, caso haja vencedor no confronto entre as duas equipes, no fechamento da sexta rodada, nesta quinta-feira (15). O Ji-Paraná permanece na quinta colocação com oito pontos.

  • PRÓXIMOS COMPROMISSOS

    As duas equipes voltam a campo no domingo (18). O Rio Branco-AC visita o Bragantino-PA, no estádio Diogão, em Bragança, interior do Pará, às 15h. O Ji-Paraná recebe o Galvez, a partir das 16h, no estádio Biancão, em Ji-Paraná (RO). As partidas são no horário de Brasília.

  • PRIMEIRO TEMPO

    Os 45 minutos iniciais foram bastante movimentados. Os dois times buscaram o gol e criaram oportunidades para que o placar não ficasse zerado. E quem mexeu no placar primeiro foi o Ji-Paraná. Aos 24 minutos, Wathimen recebeu bom lançamento por trás da defesa do Estrelão, saiu na frente do goleiro Bruno e tocou para o fundo da rede. Mas a vantagem não durou muito tempo. Aos 29, o Alvirrubro igualou. O Ji-Paraná errou na saída de bola dentro da área e Guilherme Campana não desperdiçou: 1 a 1. Aos 31, por pouco o Rio Branco-AC não virou. Rodrigão recebeu, avançou no campo de ataque, invadiu a área e finalizou rasteiro cruzado. A bola sai perto do poste direito do goleiro Gabriel. O Estrelão seguiu pressionando e Rodrigão mais uma vez assustou Gabriel. Aos 35, o camisa 9 finalizou forte de dentro da área e a bola bateu no goleiro e foi para escanteio. Quatro minutos depois, Guilherme Campana cruzou a bola para a área do Ji-Paraná, Vandinho apareceu no segundo pau, mas não tocou nela, que passou por toda a área. A pressão do Rio Branco-AC persistia e o time da casa não aproveitava. Aos 41, Guilherme Campana cobrou escanteio, a bola foi desviada no primeiro pau e chegou em Uesles, que não dominou e não conseguiu finalizar. A bola bateu no pé do zagueiro e foi nas mãos do goleiro Gabriel. Um minuto depois, Vandinho recebeu pelo lado esquerdo, dentro da área do Ji-Paraná, mas finalizou na rede pelo lado de fora. Na última tentativa do Rio Branco-AC, Magno tentou de fora da área e Gabriel fez a defesa em dois tempos. Meio atrapalhado, mas segurou a bola o camisa 1 para garantir a igualdade na primeira parte do confronto.

  • SEGUNDO TEMPO

    Na etapa final o jogo seguiu aberto e com o Rio Branco-AC desperdiçando chances. Logo com um minuto, Vandinho saiu sozinho na frente do goleiro Gabriele e finalizou, mas a bola saiu perto do poste esquerdo pela linha de fundo. Aos sete, o Galo da BR assustou após Wathimen chutar cruzado e a bola passar dentro da pequena área do Estrelão e ninguém aproveitar. Aos 12, o Alvirrubro virou o placar. O atacante Lyniker, que tinha entrado no lugar de Rodrigão aos oito, recebeu na área do Jipa e finalizou forte, rasteiro para fazer 2 a 1. Aos 19, quase o Ji-Paraná empatou. Após a cobrança de escanteio, o ataque rondoniense finalizou no meio da área e a bola explodou na trave esquerda de Bruno. Na volta, ela tocou no pé esquerdo do goleiro e foi para o meio da área, mas o ataque do Jipa não aproveitou e a defesa do Estrelão afastou. Dois minutos depois foi a vez do Rio Branco-AC acertar a trave. Bruce cobrou escanteio, Wallinson ganhou no alto e cabeceou. A bola tocou no chão e foi no travessão do goleiro Gabriel, que segurou na volta. Aos 28, Vandinho perdeu mais uma chance para o Rio Branco-AC. O atacante recebeu a bola sozinho no ataque, tentou driblar o goleiro Gabriel, que saiu abafando nos pés do atacante e fez a defesa. A partida seguiu equilibrada, com o Ji-Paraná lutando para buscar o empate. Mas aos 41, o Estrelão deu o golpe de misericórdia. O lateral-esquerdo Bruce invadiu a área e finalizou cruzado para fazer o terceiro do Alvirrubro. Ainda teve tempo para, aos 50, Mateus Monte, que também tinha entrado no segundo tempo, arriscar de fora da área e acertar o canto esquerdo baixo do goleiro Gabriel para fechar o placar e a goleada: 4 a 1.

    Por Globo Esporte.com

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.